Bom dia, Seja bem vindo - Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017 - Aracaju - SE
 

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 
O Jornal
  QUEM SOMOS
  DESTAQUES
  POLÍCIA
  ESPORTE
  POLÍTICA
  CIDADES
  GALERIA DE FOTOS
  ANUNCIE CONOSCO
  FALE CONOSCO
 
Enquete
Padre Inaldo vai fazer uma boa adminitração em Socorro?
 
De jeito nenhum
 
Claro que sim
 
Não sei
 
 
Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017

home / notícias
Sergipe é líder nacional em empreendedorismo feminino

10/08/2017 17:33:05
Tamanho da letra

Um estudo feito pelo Sebrae mostra que Sergipe é o estado com o maior percentual de mulheres comandando uma empresa. Segundo o levantamento, feito com base nos dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) de 2014, do IBGE, 37,7% do total de negócios são chefiados por pessoas do sexo feminino. O percentual é bem superior às médias do Nordeste (32,7%) e nacional (31,7%)

Os números do estudo ‘Os Donos de Negócio no Brasil’ apontam que dos 309.031 empreendimentos sergipanos, 116.753 são comandados por mulheres. Esse número vem crescendo consideravelmente ao longo dos últimos anos, o que demonstra o interesse cada vez maior delas pelo empreendedorismo. Em 2013, por exemplo, era 90 mil a quantidade de mulheres chefiando um negócio no estado, representando 33,2% do total.

A partir da análise do estudo é possível traçar um perfil dessas empresárias. Ela tem menos de 45 anos, empreende em um local fixo (lojas, oficinas, escritórios), trabalha por conta própria e atua prioritariamente no setor de serviços. Dentre as principais áreas de atuação estão os restaurantes (16%), serviços domésticos (16%), cabeleireiras (13%) e comércio de cosméticos (15%).

“As mulheres têm buscado cada vez mais empreender e isso é muito positivo para a economia. Elas estão buscando se qualificar mais antes de abrir um negócio, não têm receio em buscar conhecimento para administrar melhor a empresa e estão mais antenadas em relação ao que acontece no mercado. Isso contribui para aumentar a sobrevivência desses empreendimentos, elevando assim as chances de sucesso”, explica o superintendente do Sebrae, Emanoel Sobral.

As empresárias também se preparam mais que os homens na hora de abrir uma empresa.  Entre elas, 21% possuíam o ensino superior incompleto ou mais e 37% o ensino médio completo.  Já entre os homens, apenas 13% possuíam o ensino superior incompleto e 28% o ensino médio completo ou incompleto.

Acesso a tecnologias

A pesquisa levou em consideração dois grupos de trabalho: as pessoas que trabalham por conta própria (aquelas que exercem o seu ofício explorando o próprio empreendimento, sozinho ou com sócio, sem ter empregado e contando, ou não, com a ajuda de trabalhador não remunerado) e o empregador (quem trabalha explorando seu próprio empreendimento, com pelo menos um empregado assalariado).

De forma geral, as mulheres têm mais acesso às novas tecnologias. Cerca de 97% delas tinha telefone fixo ou celular (93% entre os homens), 54% possuía computador com internet no domicílio (44% entre eles) e 58% acessou a internet nos últimos três meses (44% no sexo masculino)

Os dados mostram ainda que as empresárias tinham um rendimento médio mensal de R$ 1.577,00, valor 30% inferior aos donos de negócio do sexo masculino. Nos últimos 13 anos essa diferença vem caindo, já que a renda delas cresceu 36% (já descontada a inflação), enquanto a dos empresários aumentou 29%.

 

No grupo das mulheres com negócio, apenas 33% contribuía para a previdência no trabalho principal e 4% contribuía para alguma entidade de previdência privada.

       
22/09 - Empreender Competitivo
22/09 - BA: Núcleo Setorial de Farmácias lança cartão exclusivo para clientes
22/09 - Número de formalizações cresce 184% em cinco anos
14/09 - Pequena cooperativa de Sergipe se prepara para exportar castanhas de caju
14/09 - Aracaju busca se consolidar como destino gastronômico
04/09 - Programa busca estimular comércio varejista em Sergipe
28/08 - Belivaldo recebe presidente da Câmara de Comércio Brasil – China
28/08 - Obras da nova unidade socioeducativa em Socorro ganham celeridade
28/08 - Terceira edição do Café com Empreendedoras será no dia 31 de agosto

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
l
l
l
l
                     
 
l
l
l
l
l
l
l
l
l  
 
© COPYRIGHT 2010 - GRANDEARACAJU.COM.BR - Todos os direitos reservados.
Contato: (79) 9975 - 8137